segunda-feira, 21 de julho de 2008

AS PALAVRAS

Com gotas de palavras
Acaricio o teu corpo
Envolto em magia e perfume
Com elas amenizo a ausência
Me aproximam de ti
Modificam destinos
Descobrem ilhas





Com a força das palavras
Preencho vidas e silêncios
Desperto-me magia e força
Enigmas de cores e sensações
Derrubo muros
Construo afectos
Atenuo a solidão








2 comentários:

Anja Rakas disse...

Com a força das palavras vives de forma espectacular.

Beijos ao poema.
Abraços a imagem.
E ... toques em ti.

Anja Rakas disse...

Neste preciso momento...construí um outro Eu.
Acariciei a solidão e derrubei as palavras para dar espaço ao teu corpo.

Beijo