quarta-feira, 9 de setembro de 2009

OVERDOSE DE AFECTOS


adormecido ao lado do sonho
nascido e naturalizado
numa overdose de afectos
naquela noite de Agosto
iluminada em círculos
de sedução concêntrica
prolongou-se a madrugada
na adolescência de promessas
amanhecidas na infância
de desejos habitados
no imaginário moldado
no despertar libidinoso
escavado nas entranhas
perfumadas por deuses
exilados em noites
rodeadas de ternura

imagem daqui

2 comentários:

amor disse...

Certamente, o dia D na minha vida...

AGRY disse...

Por que não o nosso?